jueves, 17 de febrero de 2011

FÚTBOL DE BRASIL (3) Premiados, Selección Ideal, etc

ANTES DE LLEGAR A REY DEL FÚTBOL PELÉ DEBIÓ CUMPLIR
EL SERVICIO MILITAR OBLIGATORIO

Bola de Prata - Revista Placar

Bola de Prata - Revista Placar)
A pesquisa Bola de Prata é uma premiação anual do futebol brasileiro, criada em 1970 pela revista Placar e mantida até hoje, para os melhores jogadores do Brasileirão.Todos os jogos são assistidos por jornalistas da Placar, sempre nos estádios, e atribuem notas de 0 a 10 aos jogadores. Ao final do campeonato, são premiados os jogadores com as melhores médias, por posição (somente os jogadores com mais de 16 jogos são levados em consideração). A melhor média de todas leva a Bola de Ouro.Os recordistas do prêmio Bola de Prata são: Zico, Júnior, Renato Gaúcho e Rogério Ceni, com 5 prêmios cada um.
Regulamento
Pelé não concorria ao prêmio porque estava acima do bem e do mal .
O primeiro critério de desempate é número de jogos no campeonato.
O segundo critério é o maior número de Bolas de Ouro.
Os jogadores que deixarem o clube antes do fim do campeonato serão eliminados.
Bola de Prata da Torcida
Em 2007 a revista Placar iniciou uma nova premiação chamada Bola de Prata da Torcida. A cada rodada os torcedores podem votar no melhor jogador dentre os três escolhidos pela redação da revista. Ao fim do campeonato, o jogador que tiver sido eleito mais vezes ganha a Bola de Prata da Torcida.

SELEÇÕES DE TODOS OS ANOS
1970
Seleção: Picasso (BAH), Humberto Monteiro (ATM), Brito (CRU), Reyes (FLA), Everaldo (GRE), Zanata (FLA), Dirceu Lopes (CRU), Samarone (FLU), Vaguinho (ATM), Tostão (CRU) e Paulo César Caju (BOT)
1971
Seleção: Andrada (VAS), Humberto Monteiro (ATM), Pescuma (CTB), Vantuir (ATM), Carlindo (CEA), Vanderlei (ATM), Dirceu Lopes (CRU), Rivellino (COR), Antônio Carlos (ARJ), Tião Abatiá (CTB) e Edu (SAN)
1972
Seleção: Leão (PAL), Aranha (REM), Figueroa (INT), Beto Bacamarte (GRE), Marinho Chagas (BOT), Piazza (CRU), Ademir da Guia (PAL), Zé Roberto (CTB), Osni (VIT), Alberi (ABC) e Paulo César Caju (FLA)
1973
Em 1973 a Placar passou a premiar o jogador com a melhor média com a Bola de Ouro. Na primeira edição o prêmio foi dividido entre dois jogadores, fato que nunca mais voltou a acontecer.Seleção: Cejas (SAN), Zé Maria (COR), Ancheta (GRE), Alfredo (PAL), Marinho Chagas (BOT), Pedro Omar (AMG), Pedro Rocha (SPA), Dirceu Lopes (CRU), Zequinha (BOT), Mirandinha (SPA) e Mário Sérgio (VIT)
Bola de Ouro: Cejas (SAN) e Ancheta (GRE)
1974
Seleção: Joel Mendes (VIT), Louro (FOT), Figueroa (INT), Miguel (VAS), Wladimir (COR), Dudu (PAL), Mário Sérgio (VIT), Zico (FLA), Osni (VIT), Luisinho (AFC) e Lula (INT)
Bola de Ouro: Zico (FLA)
1975
Seleção: Waldir Peres (SPA), Nelinho (CRU), Figueroa (INT), Amaral (GUA), Marco Antônio (FLU), Falcão (INT), Carpegiani (INT), Zico (FLA), Gil (FLU), Palhinha (CRU) e Ziza (GUA)
Bola de Ouro: Waldir Peres (SPA)
Artilheiro: Flávio (INT) - 16 gols
1976
Seleção: Manga (INT), Perivaldo (BAH), Figueroa (INT), Beto Fuscão (GRE), Wladimir (COR), Toninho Cerezo (ATM), Paulo César Caju (FLU), Paulo Isidoro (ATM), Valdomiro (INT), Doval (FLU) e Lula (INT)
Bola de Ouro: Figueroa (INT)
Artilheiro: Dario (INT) - 28 gols
1977
Seleção: Edson (REM), Zé Maria (COR), Oscar (Ponte Preta), Polozi (Ponte Preta), Marco Antônio (VAS), Toninho Cerezo (ATM), Adílio (FLA), Zico (FLA), Tarciso (GRE), Reinaldo (ATM) e Paulo César Caju (BOT)
Bola de Ouro: Toninho Cerezo (ATM)
Artilheiro: Reinaldo (ATM) - 28 gols
1978
Seleção: Manga (Operário), Rosemiro (PAL), Rondinelli (FLA), Deodoro (CTB), Odirlei (Ponte Preta), Caçapava (INT), Falcão (INT), Adílio (FLA), Tarciso (GRE), Paulinho (VAS) e Jésum (BAH)
Bola de Ouro: Falcão (INT)
Artilheiro: Paulinho (VAS) - 13 gols
1979
Seleção: João Leite (ATM), Nelinho (CRU), Osmar (ATM), Mauro Galvão (INT), Pedrinho (PAL), Píres (PAL), Falcão (INT), Jorge Mendonça (PAL), Jorginho (PAL), Roberto Dinamite (VAS) e Joãozinho (CRU)
Bola de Ouro: Falcão (Inter)
Artilheiro: César (AFC) e Roberto César (CRU) - 13 gols
1980
Seleção: Carlos (Ponte Preta), Nelinho (CRU), Joãozinho (SAN), Luizinho (ATM), Júnior (FLA), Toninho Cerezo (ATM), Batista (INT), Sócrates (COR), Botelho (Desportiva Capixaba), Baltazar (GRE) e Mário Sérgio (INT)
Bola de Ouro: Toninho Cerezo (ATM)
Artilheiro: Zico (FLA) - 21 gols
1981
Seleção: Benitez (INT), Perivaldo (BOT), Moisés (BNG), Dario Pereyra (SPA), Marinho Chagas (SPA), Zé Mário (Ponte Preta), Elói (Inter de Limeira), Paulo Isidoro (GRE), Paulo César (SPA), Roberto Dinamite (VAS) e Mário Sérgio (INT)
Bola de Ouro: Paulo Isidoro (GRE)
Artilheiro: Nunes (FLA) - 16 gols
1982
Seleção: Carlos (Ponte Preta), Leandro (FLA), Juninho (Ponte Preta), Edinho (FLU), Wladimir (COR), Batista (GRE), Pita (SAN), Zico (FLA), Lúcio (GUA), Careca (GUA) e Biro-Biro (COR)
Bola de Ouro: Zico (FLA)
Artilheiro: Serginho Chulapa (SAN) e Zico (FLA) - 22 gols

1983
Seleção: Roberto Costa (CAP), Nelinho (ATM), Márcio Rossini (SAN), Dario Pereyra (SPA), Júnior (FLA), Dema (SAN), Paulo Isidoro (SAN), Pita (SAN), Jorginho (PAL), Reinaldo (ATM) e Éder (ATM)
Bola de Ouro: Roberto Costa (CAP)
Artilheiro: Serginho Chulapa (SAN) - 22 gols
1984
Seleção: Roberto Costa (VAS), Édson (COR), Ivan (VAS), De León (GRE), Júnior (FLA), Pires (VAS), Romerito (FLU), Assis (FLU), Renato Gaúcho (GRE), Roberto Dinamite (VAS) e Tato (FLU)
Bola de Ouro: Roberto Costa (VAS)
Artilheiro: Roberto Dinamite (VAS) - 16 gols
1985
Seleção: Rafael (CTB), Luiz Carlos Winck (INT), Leandro (FLA), Mauro Galvão (INT), Baby (BNG), Dema (INT), Alemão (BOT), Rubén Paz (INT), Marinho (BNG), Careca (SPA) e Ado (BNG)
Bola de Ouro: Marinho (BNG)
Artilheiro: Edmar (GUA) - 20 gols
1986
Seleção: Gilmar (SPA), Alfinete (JOI), Ricardo Rocha (GUA), Dario Pereyra (SPA), Nelsinho (SPA), Bernardo (SPA), Pita (SPA), Jorginho (PAL), Sérgio Araújo (ATM), Careca (SPA) e João Paulo (GUA)
Bola de Ouro: Careca (SPA)
Artilheiro: Careca (SPA) - 25 gols
1987
Seleção: Taffarel (INT), Luiz Carlos Winck (INT), Aloísio (INT), Luizinho (ATM), Mazinho (VAS), Norberto (INT), Milton (CTB), Zico (FLA), Renato Gaúcho (FLA), Renato (ATM) e Berg (BOT)
Bola de Ouro: Renato Gaúcho (FLA)
Artilheiro: Müller (SPA) - 10 gols
1988
Seleção: Taffarel (INT), Alfinete (GRE), Aguirregaray (INT), Pereira (BAH), Mazinho (VAS), Paulo Rodrigues (BAH), Adílson Heleno (CRI), Bobô (BAH), Vivinho (VAS), Nílson (INT) e Zinho (FLA)
Bola de Ouro: Taffarel (INT)
Artilheiro: Nílson (INT) - 15 gols
1989
Seleção: Gilmar Luís Rinaldi (SPA), Balu (CRU), Ricardo Rocha (SPA), Paulo Sérgio (ATM), Mazinho (VAS), Elzo (PAL), Raí (SPA), Bobô (SPA), Bismarck (VAS), Bizu (NAU) e Túlio (GOI)
Bola de Ouro: Ricardo Rocha (SPA)
Artilheiro: Túlio (GOI)
1990
Seleção: Ronaldo (COR), Gil Baiano (BRG), Adílson (CRU), Marcelo (COR), Biro-Biro (BRG), César Sampaio (SAN), Tiba (BRG), Luís Fernando (INT), Renato Gaúcho (FLA), Mazinho (BRG) e Careca Bianchesi (PAL)
Bola de Ouro: César Sampaio (SAN)
Artilheiro: Charles (BAH) - 11 gols
1991
Seleção: Marcelo (BRG), Gil Baiano (BRG), Márcio Santos (INT), Ricardo Rocha (SPA), Leonardo (SPA), Mauro Silva (BRG), Júnior (FLA), Neto (COR), Mazinho (BRG), Túlio (GOI) e Careca Bianchesi (PAL)
Bola de Ouro: Mauro Silva (BRG)
Artilheiro: Paulinho McLaren (SAN) - 15 gols
1992
Seleção: Gilberto (SPO), Cafú (SPA), Aílton (SPO), Alexandre Torres (VAS), Válber (BOT), Mauro Silva (BRG), Júnior (FLA), Zinho (FLA), Renato Gaúcho (BOT), Bebeto (VAS) e Nélio (FLA)
Bola de Ouro: Júnior (FLA)
Artilheiro: Bebeto (VAS) - 18 gols
1993
Seleção: Dida (VIT), Cafú (SPA), Antônio Carlos (PAL), Ricardo Rocha (SAN), Roberto Carlos (PAL), César Sampaio (PAL), Djalminha (GUA), Roberto Cavalo (VIT), Edmundo (PAL), Alex Alves (VIT) e Rivaldo (COR)
Bola de Ouro: César Sampaio (PAL)
Artilheiro: Guga (SAN) - 15 gols
1994
Seleção: Ronaldo (COR), Pavão (SPA), Cléber (PAL), Jorge Luís (GUA), Roberto Carlos (PAL), Zé Elias (COR), Zinho (PAL), Rivaldo (PAL), Amoroso (GUA), Marcelinho Carioca (COR) e Luizão (GUA)
Bola de Ouro: Amoroso (GUA)
Artilheiro: Túlio (BOT) e Amoroso (GUA) - 19 gols
1995
Seleção: Wágner (BOT), Zé Maria (Portuguesa), Gamarra (INT), Andrei (JUV), Marcos Adriano (SAN), Leandro Ávila (BOT), Jamelli (SAN), Giovanni (SAN), Donizete (BOT), Túlio (BOT) e Renato Gaúcho (FLU)
Bola de Ouro: Giovanni (SAN)
Artilheiro: Túlio (BOT) - 23 gols
1996
Seleção: Dida (CRU), Alberto (CAP), Gamarra (INT), Adílson (GRE), Zé Roberto (Portuguesa), Ricardinho (CRU), Goiano (GRE), Djalminha (PAL), Rodrigo Fabri (Portuguesa), Paulo Nunes (GRE) e Renaldo (ATM)
Bola de Ouro: Djalminha (PAL)
Artilheiro: Paulo Nunes (GRE) e Renaldo (ATM) - 16 gols
1997
Seleção: Carlos Germano (VAS), Zé Carlos (SPA), Júnior Baiano (FLA), Mauro Galvão (VAS), Dedê (ATM), Doriva (ATM), Fernando (INT), Zinho (PAL), Rodrigo Fabri (Portuguesa), Edmundo (VAS) e Müller (SAN)
Bola de Ouro: Edmundo (VAS)
Artilheiro: Edmundo (VAS) - 29 gols
1998
Seleção: Dida (CRU), Arce (PAL), Gamarra (COR), Marcelo Djian (CRU), Júnior (PAL), Narciso (SAN), Vampeta (COR), Jackson (SPO), Valdo (CRU), Edílson (COR) e Fábio Júnior (CRU)
Bola de Ouro: Edílson (COR)
Artilheiro: Viola (SAN) - 21 gols
1999
Seleção: Dida (COR), Bruno (ATM), Roque Júnior (PAL), Cláudio Caçapa (ATM), Leandro (VIT), Rincón (COR), Belletti (ATM), Vampeta (COR), Marcelinho Carioca (COR), Marques (ATM) e Guilherme (ATM)
Bola de Ouro: Marcelinho Carioca (COR)
Artilheiro: Guilherme (ATM) - 28 gols
2000
Seleção: Rogério Ceni (SPA), Arce (PAL), Cris (CRU), Lúcio (INT), Sorín (CRU), Mineiro (PTP), Ricardinho (CRU), Juninho Paulista (VAS), Juninho Pernambucano (VAS), Romário (VAS) e Ronaldinho Gaúcho (GRE)
Bola de Ouro: Romário (VAS)
Artilheiro: Dill (GOI), Magno Alves (FLU) e Romário (VAS) - 20 gols
2001
Seleção: Emerson (BAH), Arce (PAL), Daniel (SCT), Gustavo (CAP), Léo (SAN), Simão (SCT), Preto (BAH), Kléberson (CAP), Roger (FLU), Marques (ATM) e Alex Mineiro (CAP)
Bola de Ouro: Alex Mineiro (CAP)
Artilheiro: Romário (VAS) - 21 gols
2002
Seleção: Diego (JUV), Mancini (ATM), Alex (SAN), Fábio Luciano (COR), Athirson (FLA), Tinga (GRE), Fábio Simplício (SPA), Ramon (VAS), Kaká (SPA), Robinho (SAN) e Gil (COR)
Bola de Ouro: Kaká (SPA)
Artilheiro: Rodrigo Fabri (GRE) e Luís Fabiano (SPA) - 19 gols
2003
Seleção: Rogério Ceni (SPA), Maurinho (CRU), Alex (SAN), Fabão (GOI), Léo (SAN), Maldonado (CRU), Renato (SAN), Alex (CRU), Marcelinho Carioca (VAS), Grafite (GOI) e Luís Fabiano (SPA)
Bola de Ouro: Alex (CRU)
Artilheiro: Dimba (GOI) - 31 gols
2004
Seleção: Rogério Ceni (SPA), Paulo Baier (GOI), Lugano (SPA), Rodrigo (SPA), Léo (SAN), Mineiro (SCT), Magrão (PAL), Ricardinho (SAN), Petkovic (VAS), Robinho (SAN) e Washington (ATP)
Bola de Ouro: Robinho (SAN)
Artilheiro: Washington (CAP) - 34 gols
2005
Seleção: Fábio Costa (COR), Cicinho (SPA), Lugano (SPA), Gamarra (PAL), Jadílson (GOI), Marcelo Mattos (COR), Mineiro (SPA), Petković (FLU), Juninho Paulista (PAL), Tevez (COR) e Rafael Sobis (INT)
Bola de Ouro: Tevez (COR)
Artilheiro: Romário (VAS) - 22 gols
2006
Seleção: Rogério Ceni (SPA), Ilsinho (SPA), Fabão (SPA), Índio (INT), Kléber (SAN), Lucas (GRE), Mineiro (SPA), Wagner (CRU), Zé Roberto (BOT), Fernandão (INT) e Aloísio (SPA)
Bola de Ouro: Lucas (GRE)
Artilheiro: Souza (GOI) - 17 gols
2007
(Detalhes)Seleção: Rogério Ceni (SPA), Leonardo Moura (FLA), Breno (SPA), Thiago Silva (FLU), Kléber (SAN), Richarlyson (SPA), Hernanes (SPA), Thiago Neves (FLU), Valdivia (PAL), Leandro Amaral (VAS) e Acosta (NAU)
Bola de Ouro: Thiago Neves (FLU)
Artilheiro: Josiel (PAR) — 20 gols

2008

Seleção: Rogério Ceni (SPA), Vítor (GOI), André Dias (SPA), Miranda (SPA), Juan (FLA), Ramires (CRU), Hernanes (SPA), Tcheco (GRE), Wagner (CRU), Nilmar (INT) e Borges (SPA)
Bola de Ouro: Rogério Ceni (SPA)
Artilheiros: Washington (FLU), Keirrison (CFC), Kléber Pereira (SAN) - 21 gols

2009

Seleção: Victor (GRE), Jonathan (CRU), André Dias (SPA), Miranda (SPA), Kléber (INT), Guiñazú (INT), Pierre (PAL), Petković (FLA), Marcelinho Paraíba (CTB), Adriano (FLA) e Diego Tardelli (CAM)
Bola de Ouro: Adriano (FLA)
Artilheiros: Diego Tardelli (CAM) e Adriano (FLA) - 19 gols

2010

Seleção: Fábio (CRU), Mariano (FLU), Alex Silva (SPA), Chicão (COR), Roberto Carlos (COR), Elias (COR), Jucilei (COR), Conca (FLU), Montillo (CRU), Jonas (GRE) e Neymar (SAN)[2]
Bola de Ouro: Darío Conca[2] (FLU)
Artilheiro: Jonas[2] (GRE) - 23 gols


PREMIO CRACK DEL BRASILEIRAO – CBF & REDE GLOBO
Local do evento: Vivo Rio.
Local do evento: Vivo Rio.

Brasil

La Serie A (con este nombre y formato) empezó en 1971, después de la carrera de muchos futbolistas importantes, como Pelé, que se retiró en 1974.
Nombre     Años          Partidos   Goles (%)   Equipos
Roberto Dinamite              1972-1990 228        190     93%   Vasco, Portuguesa
Romário        1986-2008   252             155        62%    Vasco, Flamengo, Fluminense
Edmundo      1990-2008   316             153        48%    Vasco, Palmeiras, Figueirense, Santos, Fluminense, Flamengo, Cruzeiro
Zico              1974-1989   249             135        54%    Flamengo
Túlio             1987-2001   240             129        53%    Botafogo, Goiás, Vitória, Juventude, Santa Cruz
Serginho Chulapa              1975-1988 184        125     68%   São Paulo, Santos, Corinthians
Dario            1971-1985   240             113        47%    Atlético-MG, Ponte Preta, Flamengo, Sport Recife, Internacional, Nacional, Goiás, Bahia, Santa Cruz, Paysandu, Náutico
Evair             1986-2003   221             101        45%    Palmeiras, Goiás, Guarani, Vasco, Portuguesa, Coritiba, Figueirense
Washington   1997-Actualidad             ?            99       ?       
Dodô            1992-Actualidad             ?            97       ?       

Brazil - Championship Player of the Year ("Bola de Ouro")


Since 1970 the Brazilian soccer magazine Placar gives the "Bola de Prata" (Silver Ball) award to each one of the best players on each field position (i.e. 11 awards) during the Brazilian Championship. The award is given based on scores given by Placar journalists during each match in which each player participated.
Note that Pelé, who played for Santos until 1974, was considered 'hors-concours' and could not win this award.
Since 1973, among the "Bola de Prata" winners the one with the best score is the winner of the "Bola de Ouro" (Golden Ball); therefore considered the Best Player of the Brazilian Championship.

List of Winners

Year   Player (club)
 
1973   Atilio ANCHETA [Uru] (Grêmio RS)
       Mario Augustín CEJAS [Arg] (Santos)
1974   Artur Antunes Coimbra "ZICO" (Flamengo)
1975   WALDIR PERES Arruda (São Paulo F.C.)
1976   Elías FIGUEROA [Chi] (Internacional RS)
1977   Antonio Carlos Cerezo "TONINHO CEREZO" (Atlético Mineiro)
1978   Paulo Roberto FALCÃO (Internacional RS) 
1979   Paulo Roberto FALCÃO (Internacional RS) 
1980   Antonio Carlos Cerezo "TONINHO CEREZO" (Atlético Mineiro)
1981   PAULO ISIDORO de Jesus (Grêmio RS)
1982   Artur Antunes Coimbra "ZICO" (Flamengo)
1983   ROBERTO COSTA (Atlético Paranaense)
1984   ROBERTO COSTA (Vasco da Gama)
1985   MARINHO (Bangu)
1986   Antonio de Oliveira Filho "CARECA" (São Paulo F.C.)
1987   Renato Portaluppi "RENATO GAÚCHO" (Flamengo)
1988   Cláudio André Mergen TAFFAREL (Internacional RS)
1989   RICARDO Roberto Barreto da ROCHA (São Paulo F.C.)
1990   Carlos CÉSAR SAMPAIO Campos (Santos)
1991   MAURO da SILVA (Bragantino)
1992   Leovegildo Lins Gama "JÚNIOR" (Flamengo)
1993   Carlos CÉSAR SAMPAIO Campos (Palmeiras)
1994   Márcio dos Santos AMOROSO (Guarani)
1995   GIOVANNI Silva de Oliveira (Santos)
1996   Djalma Freitosa Dias "DJALMINHA" (Palmeiras)
1997   EDMUNDO Alves de Souza Neto (Vasco da Gama)
1998   EDÍLSON da Silva Ferreira (Corinthians)
1999   Marcelo Pereira Surcin "MARCELINHO" (Corinthians)
2000   ROMÁRIO de Souza Faria (Vasco da Gama)   
2001   Alexander Pereira Cardoso "ALEX MINEIRO" (Atlético Paranaense)     
2002   Ricardo Izecson dos Santos Leite "KAKÁ" (São Paulo)
2003   Alexsandro de Souza "ALEX" (Cruzeiro)       
2004   Robson de Souza "ROBINHO" (Santos)       
2005   Carlos TEVEZ [Arg] (Corinthians)
2006   LUCAS Pezzini Leiva (Grêmio RS)
2007   THIAGO NEVES Augusto (Fluminense)
2008   ROGÉRIO Ceni (São Paulo F.C.)
2009   DIEGO SOUZA (Palmeiras)
2010   DARIO CONCA (Fluminense)
Notes:
1. Unless stated all players were Brazilian.
2. In 1973 the award was shared by two players. 

Number of Wins

2   Falcão, Toninho Cerezo, Zico, Roberto Costa, César Sampaio
 
1   Ancheta, Cejas, Waldir Peres, Figueroa, Paulo Isidoro, Marinho, Careca,
    Renato Gaúcho, Taffarel, Ricardo Rocha, Mauro Silva, Júnior, Amoroso, 
    Giovanni, Djalminha, Edmundo, Edílson, Marcelinho, Romário, Alex Mineiro,
    Kaká, Alex, Robinho, Tevez, Lica, Thiago Neves, Rogério

Pelé World Cup

A tournament for senior (35+) players. (In 1990 the term "seniors" was replaced by "masters".) The editions until 1991 were organized by Brazilian TV station "Bandeirantes". From 1993 another organization ("International Federation of Master Football") took over.

Palmares
Year     Champions  Runners-Up            Hosts
1987     Argentina  Brazil                Brazil
1989     Brazil     Uruguay               Brazil
1990     Brazil     Netherlands           Brazil
1991     Brazil     Argentina             USA
1993     Italy      Austria               Austria and Italy
1995     Brazil     Argentina             Austria
1987 
Final [Jan 18]:
Argentina    1-0 Brazil       [in São Paulo]
   [Felman 47]
Argentina: Buttice; Piris, Cortés; Squeo, Berta, Mouzo; González, Brindisi 
           (Rocchia), Felman (Cevallos), Babington (Albretch), Más.
           Coach: Carmelo Faraone.
Brazil:    Renato; Eurico, Djalma Días, Alfredo (Chicao), Toninho; Carpeggiani, 
           Teodoro (Romeu), Lola (Gil), Rivelino; Jairzinho (Darío), Edú.
           Coach: L. Do Valle.           
Referee:   W. Schneiller.
Field:     Pacaembu.
1989
Final:
 2/ 2/1989
Brazil       4-2 Uruguay
  [Cláudio Adão 6', 45'  and 49', Rivelino 75'; Siviero 70', Cabrera 87']
PREGUINHO (FLUMINENSE) - Idolo en varios deportes - años 30 y 40


LA SUPER DELANTERA DEL SANTOS : PELÉ, COUTINHO Y DORVAL
LOS COMPADRES BOTAFOGUENSES : NILTON SANTOS Y GARRINCHA

ROBERTO RIVELINO

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada